segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Pouca coisa...

1. Aimar não presta. Passes de letra são coisas para gajos que vieram passar férias a Portugal, de certeza.

2. Nuno Assis é outro que não vale nada. O facto de ter sido o jogador vimaranense mais esclarecido em campo foi coincidência.

3. Andrezinho, esse sim, é um jogador e tanto. Aquela assistência para Aimar, que permitiu ao argentino solicitar a corrida de Suazo, é de uma classe extraordinária. Melhor, só o pontapé no queixo do hondurenho ou aquela dança esquisita à frente de Reyes, durante quase um minuto, sem sair do mesmo sítio.

4. No golo do Guimarães, pode falar-se em erros de Maxi Pereira, que deveria estar mais metido para dentro, ou de Luisão, que não deveria ter tentado interceptar a bola, mantendo-se na corrida com Douglas, mas o lance só acontece porque o sistema do Benfica a isso convida. Com apenas dois passes rasteiros, o Guimarães ultrapassou 8 jogadores do Benfica. Roberto veio buscar a bola ao espaço vazio e o passe do médio minhoto para ele ultrapassou toda a linha do meio-campo do Benfica. A partir desse momento, está criado o desequilíbrio. O resto é mais ou menos fácil. A chave do lance é esse passe e não os erros posicionais dos defesas. É por estas e por outras razões que não consigo perceber como é que o 442 clássico continua a ser o modelo táctico mais utilizado. E não me venham falar de dinâmicas. Aquilo acontece com qualquer equipa que jogue com uma linha de 4 homens no meio-campo. Não há dinâmicas que o impeçam.

5. Muitos afirmam que Aimar não foi atropelado por Danilo dentro da área e que, portanto, não haveria lugar à marcação de um penalty que, para mim, foi claríssimo. O argumento é que já ia em queda quando se dá o contacto. Se um camião TIR vier direito a mim, de certeza que também não vou ficar quietinho à espera que ele me acerte. Aimar encolheu-se, prevendo o choque. Mas nada disso importa. Deixando-se ou não cair, a verdade é que há um contacto evidente que derruba o argentino.

6. Liedson continua a facturar, dizem alguns. O que eu gostava mesmo de saber era quanto é que Liedson paga aos defesas adversários para que estes façam disparates e o deixem isolado. Ou então, quando é que Liedson volta a marcar um golo cujo mérito seja mesmo dele. Aposto que vai vir muito palerma dizer que há mérito na forma como ele pressiona. Sinceramente, isso dá-lhe quase tanto mérito como a mim, que, sentado no meu sofá, estava a torcer para que aquele defesa dominasse mal a bola e depois inventasse daquela forma.

7. O Porto perdeu novamente e fala-se em crise. O que é certo é que Jesualdo, em 2 anos, não conseguiu lançar na equipa principal do Porto praticamente nenhum jogador de relevo. Foi vivendo daquilo que já vinha de trás e quase todas as suas contratações foram fracassos: Kazmierczak, Bollatti, Guarín, Farías, Lino, Stepanov, Benitez, etc. Agora que escasseia a qualidade trazida em tempos, a qualidade do plantel portista já não disfarça a pouca qualidade de Jesualdo nesse âmbito. A palavra "qualidade", três vezes referida na frase anterior, parece-me aquela que, pela sua ausência, melhor define o que se está a passar no Dragão.

8. Bruno Alves deu mais um beliscão num adversário, desta vez Davide. Beliscar com o cotovelo não é uma arte para qualquer um, mas Bruno Alves também não é qualquer um. Continuo é sem perceber por que é que os tipos que ele belisca fazem fita para tentar expulsá-lo, quando é evidente que esse tipo de truques mesquinhos não resulta.

9. José Mota lidera. No campeonato e nas loas que os estultos lhe tecem.

10. Lá fora, o Barça continua sem ganhar... por diferenças pequenas.

11. Em Itália, grande campeonato. 3 pontos separam os 5 primeiros; 6 pontos separam os 9 primeiros. Só para comparar, em Inglaterra, os primeiros 5 já estão separados por 6 pontos e os primeiros 9 por 12.

12. Del Piero marcou mais um golo espantoso. Quero distingui-lo com dois prémios. 1) É o melhor marcador de livres de que me recordo, à excepção de David Beckham; 2) É, para mim, provavelmente, o melhor jogador de sempre que nunca ganhou o prémio de melhor do mundo.

32 comentários:

pedro silva disse...

3- de facto o bailado foi infrutífero mas mas 3 segundos depois o reyes chutou num gajo e foi expulso. Devia tar tonto já.

5- não creio que haja penalty. o Aimar não se encolhe coisa nenhuma. Ele simula uma falta bem antes que alguém lhe toque. Que eu saiba isso é uma infracção! Esteve bem o árbitro, aliás, faltou o amarelo.

6- com mérito ou não Liedson Resolve!

12) Grande pinturicchio sem dúvida. 1) O novo treinador do bolonha põe qualquer um deles no bolso. 2)Talvez. Entre totti, henry, raúl e ele não consigo escolher (de jogadores relativamente recentes claro)

cumprimentos

Fernando disse...

1. Já começam a dizer que Aimar não presta?

2. Nuno Assis foi e talvez dê para continuar a ser, se os ossos de cristal não o traírem, um dos melhores jogadores portugueses na sua posição. Não que seja um sobredotado, mas para uma equipa como o Vitória é muito bom. Por alguma razão foi parar ao Benfica...

3. Onde leste/ouviste que Andrezinho é um grande jogador? Pessoalmente acho-o um lateral com muitas lacunas. Traz uma grande dinâmica ao corredor direito do Vitória, é verdade. Mas a nível decisional é realmente mau. Mas violento era característica que não se lhe conhecia. Imperdoável.

4. Mania de chamar Guimarães :P Não existe equipa nenhuma com esse nome ;)

5. Concordo, foi penalti.

6. Decerto, decerto tem mesmo mérito...

7. "Suas" contratações? Tenho muitas dúvidas que alguma tenha sido "sua".

8. CV imaculado. Raramente leva cartões...

11. Sem dúvida que em Itália existe mais competitividade. Mas, infelizmente, também menos qualidade, sobretudo nas 4 primeiras equipas.

12.
1) A par, com estilos diferentes, com Roberto Carlos.
2) Também admiro muito Del Piero mas não concordo com a afirmação, existem/existiram outros de nível superior de jogo. Contudo, em classe é praticamente imbatível.

Cumprimentos.

Rui Silva disse...

A tua visão da actualidade é uma simples leitura dos acontecimentos à luz dos teus preconceitos. As tuas certezas imutáveis são a tua fonte de ignorância. Não és caso único.

PB disse...

O Aimar é mesmo de outro mundo. E nem é pelas letras ou pelos numeros. É porque, resumidamente, é um jogador de colectivo, fabuloso em termos individauis.

Eu acho que aquele golo, para alem do erro de posicionamento do Maxi, ou do erro de abordagem do Luisao (n sei se foi mm um erro de abordagem, pq acho que ele se n tentasse a intercepção, tb ja n teria velocidade para "apanhar" o Douglas... talvez aquela fosse mesmo a única forma de ele "matar" o lance, e a verdade é q foi por um triz que não o fez), e tendo em conta o que me parece que Quique quer implementar no Benfica, a ideia é que os sectores estejam mais próximos. Portanto, se o 442 classico proporciona aqueles lances (e é verdade que este n foi o único golo a nascer assim), também é verdade que se a equipa conseguir estar mais proxima (como fez na 2nda parte), não consente aquele espaço todo entre os sectores!

Ou seja, Sim, pode ser mais dificil desta forma, mas... sim, dá para evitar este tipo de lances! Basta que a defesa consiga jogar um pouco mais próxima dos médios (ou os médios dos defesas)!


E olha, que a ideia original do Quique nem é o 442 classico... A ideia que tenho é q a defender, ha as tais 2 linhas de 4 (qd Reyes tá para ai virado), mas a atacar, quem irá aparecer a dar linha de passe sobre o exterior do campo será qs sp o avançado (Suazo?). Parece-me q a ideia é colocar Aimar numa ala, a receber a bola no corredor lateral, fora da pressão, e transporta-la pelo corredor central...

Vamos ver... Quique quase nunca (este foi a 1a x q tal aconteceu...e só durante 45') teve toda a gente disponivel!

PB disse...

já agora, deixar a opinião do Menino de Ouro, ou grande artista, consoante a perspectiva

"aquilo n é para todos. Eu joguei 20 anos e nc fui capaz de fazer aquilo. Aquilo n é para todos"



E ja agora... claro q para toda a gente (excepto quem conhece Aimar), o mérito foi ter feito um passe de letra que encontrou um colega...

mas, o genial nele, foi que percebeu, em centesimos de segundos q se metesse a bola ali... Suazo teria condições para fazer o resto (1x2 em meio campo, contra Suazo é sp de dificil resolução... basta ver videos no utube)! Ou seja, a mim ng me convence de q se fosse Cardozo, ou N.Gomes q estivesse perante 2 adversarios, essa teria sido a sua opção (ao inves de segurar a bola...entregar atras, para que a equipa subisse no campo em conjunto!)

PB disse...

"Há mts jogadores q decidem rápido e mts q decidem bem... mas, há poucos q decidem rápido e qs sempre bem... Aimar é um deles!" Quique Flores


Para terminar a ideia anterior

Ele só faz o passe, pq percebeu q o colega tinha possibilidades de sucesso (é isso que é fantastico nele), se n, guardava a bola!

Batalheiro disse...

4. Todos os sistemas têm pontos fracos e pontos fortes. Uns mais do que outros obviamente. O 442 (como utilizado por treinadores inteligentes como Quique ou Wenger) permite uma marcação à zona extremamente eficaz e variadas opções de passe para o portador da bola, que permtem boa circulação de bola e uma não exteriotipização dos processos ofensivos.

Tem vindo a ser criticado por “ter pouca gente entre linhas” como se o futebol fosse a mesma coisa do que jogar matraquilhos.

O ponto mais fraco desta tactica é nao ter um medio à frente da defesa, mas é um risco calculado e que pode ser compensado com um bom entendimento entre os 2 centrais e os 2 médios centro

Anónimo disse...

"Ele simula uma falta bem antes que alguém lhe toque"

Também simulou a pazada que levou no pé, pedro silva?

pedro silva disse...

Não anónimo, isso não simulou. Mas que eu saiba a simulação é uma infracção também! E é precedente a essa pazada portanto a primeira infracção é do Pablo.

Nuno disse...

1- Aimar presta mas não por fazer passes de letra.

2- Nuno Assis é a mais valia necessária para acordar o Vitória.

3- Andrezinho é rápido e dinâmico, vale por isso.

4- Sem dúvida que o 4-4-2 a isso se presta e muito mais se presta quando Quique não parece muito importado em resolver essas questões, que com outras "dinâmicas" poderiam ser, pelo menos, minimizadas.

5- Para mim não há penalty nenhum.

6- 4 jogos, 3 golos, 3 vitórias por 1-0. Penso que pouco mais há a dizer.

7- Concordo plenamente.

9- José Mota faz pela vida como sempre fez com resultados aceitáveis e com um grupo de trabalho melhorzito do que tinha em Paços.

12- Del Piero é genial, mas outros geniais os há que não ganharam o desejável prémio.

Pedro disse...

1- Aimar é um génio. A beleza daquela assistência não é o passe de letra mas sim a rapidez de pensamento e execução. Isso é q foi lindo.

2- Sou dos poucos q, como tu, defende a qualidade de Nuno Assis. É um jogador q sabe o q fazer com a bola e q procura pensar o jogo.

3- Não me parece ser assim tão mau como pintas mas não é nenhum génio.

4- Ok, podes ter razão, mas se Maxi ou Luisão não falham provavelmente não teria sido golo. Mas sim, não gosto do 442 clássico como já o disse várias vezes.

5- Acho q não é penalty pq ao contrário do q dizes, Aimar não se encolheu, ele deixa-se claramente, cair. E isso faz a diferença. O contacto é posterior.

6- A questão é simples Nuno: qts avançados marcariam aquele golo? Poucos pq a maioria não ataca aquelas bolas como o Liedson faz. Por exemplo, Nuno Gomes não marcaria aquele golo por muita burrice q o central fizesse. E o golo contra o Leiria para a Taça tb é um golo à Liedson, outro avançado teria ficado no chão a reclamar falta enquanto q o levezinho foi à luta e ficou com a bola e meteu-a lá dentro.

7- Jesualdo e qualidade não rimam.

8- É impressionante como ele escapa impune. É em todas as jornadas e de uma forma demasiado evidente...mas não é o único. O Materazzi com o historial q tem tb passa incolume muitas vezes...Não dá para perceber estes árbitros.

9- Mas lidera...

10- Está demolidor o Barça. É cada cabazada....

11- Grande campeonato não sei. Competitivo sim mas porra dá dó ver o Inter a jogar. Enquanto q em Inglaterra é emoção em catadupa sempre a alta velocidade.

12- 1) Para mim é e será sempre Sinisa Mihalovic. Esse sim era brutal. Os seus remates eram lindos. 2)Primeiro Rui Costa, depois ele.

PS:Nuno/Gonçalo para qd um Gerrard vs Lampard aqui no blog?

b@ngnet disse...

4 - 442 classico, 433 dinamico, tudo treta, o futebol nao se joga parado, é feito de marcaçoes/desmarcaçoes, pressao/compensação. com jogadores parados ha buracos em todo lado. no 442 do quique o espaço entre linhas é preenchido pela junção das mesmas no processo defensivo e pela rapidez de passe e circulação de bola nas transiçoes ofensivas. se desdobrarmos o 442 em 433 o katso é o trinco do benfica e o aimar o medio ofensivo, sendo que tanto o reis como o amorim ou outro no lado direito funcionam como extremos no processo ofensivo. no papel, com os jogadores estaticos cada um faz o desenho que quer, mas o futebol é dinamica e o que é um facto é que em todos os modelos tem que estar um jogador a pressionar a bola e outro a preparado para fazer a compensação, tudo em velocidade. quem joga parado perde.

Ricardo disse...

1. É. Diz que tem bicho, o gajo.

2. Olha outro! Mais um escorraçado da Luz porque - e cito os bípedes boçais - "só passa para o lado e para trás".

3. Estás a ser injusto. Se é certo que falhou naquele passe suicida para o Aimar desenvolver todo o seu génio em milionésimos de segundo, a verdade é que na cara do Suazo, ele... acertou. Mais rigor, Nuno, mais rigor!

4. Infelizmente tenho de concordar. Digo "infelizmente" porque me parece que o Quique irá até ao fim do mundo com este 442. A única solução será esperar de Aimar algo mais e que Amorim saiba ser simultaneamente um ala (?) e um médio de apoio aos dois do miolo, para além de Reyes, de quem se espera mais rigor táctico sem que por isso perca todo o seu fulgor ofensivo.

Mas atenção: é verdade que as duas linhas estanques de 4 favorecem os dois passes a rasgar, mas há culpas evidentes de Maxi e Luisão. Para mim, mais do uruguaio, que devia estar na linha da bola (lance igual ocorreu já em Nápoles; pelas minhas contas, 6 dos 12 golos do Benfica têm responsabilidade negativa de Maxi Pereira; é obra!).

5. Era da teoria de que ele vinha em queda (verdade, nada a dizer) e que por isso não seria penalty. Mas analisando o lance várias vezes, percebe-se que é mesmo penalty.

6. Ehhhh que exagero! É verdade que o grunho do central facilitou e deu mais de metade do golo, mas a pressão acabou por ser fulcral para a rápida recuperação da bola. Nem todos o fariam, o que põe logo Liedson uns passos acima de boa parte dos molengões atacantes que esta liga tem.

7. Sim, falta qualidade, mas falta algo mais.

8. Eu continuo sem perceber é quais os critérios para sumaríssimos. Ou deverei chamar-lhes "benfiquíssimos"?

9. Não sejas assim. Tem mesmo de levar com umas loas, o mota, pá. Então vai com 5 vitórias (uma delas no Dragão), 1 empate e 1 derrota e tu não queres que os estultos (e mesmo os não-estultos!) lhe teçam umas loazinhas, assim pequeninas? Algum mérito, terá. Se é grande treinador, isso já se sabe que não.

10. Série bombástica (agora interrompida com o Basileia).

11. O Mourinho começou com algumas dificuldades - não é fácil, aquela Liga. Mas vai próximo do primeiro e na Champions estará praticamente assegurado. Tranquilo, apesar de tudo.

12. É sempre complexa a escolha do melhor do Mundo. Mas, sim, é um dos que poderia ter ganho e não ganhou. Grande final de carreira, quando já lhe adivinhavam artrites.

Peyroteo disse...

1 - Aimar é um grande jogador. É um jogador fustigado por lesões mas também, se assim não fosse, dificilmente estaria no campeonato português. Tal como o Romagnoli. Não fosse a rotura de ligamentos que teve quando era a grande figura do campeonato argentino, nunca teria chegado ao Sporting. Acho que ele nunca recuperou totalmente em termos físicos. Não estou com isto a comparar a qualidade de ambos. O Aimar teve indiscutivelmente mais sucesso mas considero-os grandes jogadores de futebol.

2 - Nuno Assis tem tido azar na carreira. É bom jogador.

3 - Andrezinho é um típico lateral brasileiro. Preocupa-se essencialmente em atacar. Não é totalmente mau nesse aspecto mas é preciso mais que isso.

4 - Sou mais adepto do 4-2-3-1

5 - Em movimento normal, parece penalty. Já na repetição, percebe-se a simulação do Aimar.

6 - É um golo à Liedson. É o avançado do nosso campeonato que mais bolas rouba aos defesas contrários. A seguir, vem o Lisandro.

7 - Pois, o Porto está menos forte do que em anos anteriores. Um olhar rápido pelo plantel dá para perceber isso.

8 - Uma família de caceteiros.

9 - Eu agradeço-lhe por ter ganho ao Porto :)

10 - Grande equipa

11 - O meu campeonato preferido ainda é o espanhol. Depois o italiano. A premier league vai melhorando com a invasão de jogadores e treinadores estrangeiros mas prefiro os outros.

12 - Mais dois ontem. Um mestre das bolas paradas.

cajo disse...

12 - Foda-se. Juninho...?

Anónimo disse...

O Nuno Assis bom jogador? Essa é boa...nem para o Guimarães serve! Passam a jogar com Nuno Assis e Douglas é? Hão de fazer muitos golos...

Del Piero é um dos 7 melhores jogadores dos últimos 20 anos!

Fernando disse...

Anónimo, Nuno Assis é bom jogador sim. Porque é que não serve para o Vitória de Guimarães? Acho que existem mais 9 jogadores iniciais que o Vitória costuma utilizar para além de Assis e Douglas... Digo eu.

Não concordo com a afirmação acerca de Del Piero. Na minha opinião existiram muitos que o ultrapassaram claramente tanto em regularidade como a nível máximo. Estes são:
- Ronaldo Fenómeno;
- Cristiano Ronaldo;
- Messi;
- Zidane;
- Figo;
- Kaká;
- Ronaldinho;
- Roberto Baggio;
- Romário;
- Rivaldo;
- George Weah;
- Hristo Stoichkov;
- Savicevic;
- Marco van Basten;
- Lothar Matthäus;
- Cantona;
- Rui Costa;
- Andriy Shevchenko;
- Pavel Nedvěd;
- Thierry Henry;
- Jean-Pierre Papin.

E esses foram só o que me lembrei em 5min. Considero que todos eles foram melhores que o Del Piero. No entanto, repetindo-me, em termos de classe Del Piero foi dos melhores. Mas como isso não é tudo e as lesões também ajudaram a não o ser...

Cumprimentos.

Batalheiro disse...

Fernando.

Papin e Weah melhores do que Del Piero? Então? E o Cantona e o Nedved??

Nuno disse...

Batalheiro, esses 4 e ainda o Rui Costa, o Henry e o Shevchenko não foram, claramente, melhores que o Del Piero. Depois, há outros que é muito discutível: Cristiano Ronaldo, Rivaldo, Savicevic, Stoichkov, Baggio. Só há 2 ou 3 da lista que, inequivocamente, estiveram um patamar acima de Del Piero.

Fernando disse...

Batalheiro,
E porque não? Também não acho que sejam dum nível muito acima, mas penso que alcançaram um nível máximo superior. Mais destacadamente Weah e Nedved...

Nuno,
Tu próprio não podes acreditar que os que pões no lado do "discutível" não ultrapassaram Del Piero. Os restantes, apesar de discordar, percebo como possas pensar o contrário.

Gonçalo disse...

Sério o Ronaldo, Rivaldo, Savicevic, Stoichkov, Baggio ultrapassaram o Del Piero? PorquÊ?

Fernando disse...

Gonçalo,

É até estranho eu estar a argumentar contra o meu maior ídolo de adolescência, no entanto, acho que o Del Piero nunca chegou aquilo que o potencial dele parecia indicar.

Todos os que indicaste atingiram patamares mais altos numa ou mais épocas do que o Del Piero. Também notado pelo facto de nunca o Del Piero estar perto de vencer um prémio individual de gabarito internacional, apesar de isso não ser condição maior de avaliação.

Ronaldo, presumo que estejas a falar do Cristiano, ainda tem muito a provar, é verdade, mas também penso que concordamos que o patamar que ele atingiu na época anterior está acima de qualquer uma do italiano.
Rivaldo, teve 3(?) anos de sonho no Barcelona. Em que ele e Figo estariam quase a um nível que Ronaldinho e Messi estiveram há pouco tempo.
Savicevic... Lembro-me de ser o grande criativo daquela super equipa do Milan. Apesar de não ser particularmente vistoso, era na minha opinião, um jogador com uma capacidade de decisão excelente. Stoichkov idem.
Baggio foi também ele brilhante e até admira-me como não consideram este jogador acima de Del Piero... Só o facto de "sozinho" ter levado a Itália à final com o Brasil diz muito dele.

Agora, não quero passar a ideia de que não acho o Del Piero um excelente jogador, até de uma classe acima de muitos dos que referi mas, por uma razão ou outra, não acho que tenha atingido o mesmo nível que os restantes apesar de todo o seu potencial. Com maior potencial só mesmo Ronaldo Fenómeno e talvez Messi, o resto é nivelado.

Cumprimentos.

cajo disse...

3 anos de sonho no Barcelona?

hahahahahaha xD


quem dera ao Futebol.

Pedro disse...

Não percebi essa nuno, Rui Costa não foi superior a Del Piero?!?!!!?

Não me digas q defendes isso por o Rui ter estado tantos anos na Fiorentina?!!?!??

Fernando disse...

Então cajo? Foram menos? :S

Metralha disse...

Rui Costa? Um jogador que não se afirma numa grande equipa nunca será um jogador de top.

Gonçalo disse...

Ok Fernando. Já percebi, e admito que tendo em conta o que ele prometeu logo "à nascença" ficou um pouco aquém.
Mas não me parece justo retirar-lhe valor só porque as contigências do futebol não lhe permitiram uma maior visibilidade. Pessoalmente, encontro poucos como ele. Ao mesmo nivel de injustiça, só o Raúl.

Um abraço

cajo disse...

fernando, o Ronaldo só esteve no Barça uma época.... embora tenha parecido mais de facto tenho de concordar LOL

Fernando disse...

Cajo, eu nunca referi que o Ronaldo esteve 3 épocas no Barcelona. Falei, sim, no Rivaldo, que agora mesmo confirmei que foram 5. Embora só em 3 achei que estivesse a um nível brilhante.

Quanto ao Ronaldo Fenómeno, realmente quem dera ao futebol mais 2 épocas como aquela no Barcelona. Impressionante. Para mim continua a ser a melhor época que vi um jogador fazer...

Cumprimentos.

cajo disse...

Porra, erro meu completamente, como é que li "Ronaldo" em vez de "Rivaldo" xD Peço desculpa, e tens razão...


Eu vou mais longe e digo que o Ronaldo foi o melhor jogador que tive a oportunidade de ver jogar...Esse sim está para mim nos níveis de Maradonas e Cruyffs

Anónimo disse...

e o PEle q trocou o Inter pela liga intercalar

he he he

Nuno B. disse...

em termos de eficácia de livres directos (ratio de concretização só neste tipo de livres) o del piero é muito melhor que o beckam . só pode ser comparado com o baggio. o beckham é capaz de marcar livres mais afastados directos/cruzamentos. mas a eficácia do del piero deve ser mto maior. Ah o teu site e as as tuas criticas/analises são excelentes (nao concordo com tudo mas tb nao é isso que se pede (se pedires muito sou capaz de concordar, ou fingir que concordo)).