terça-feira, 22 de março de 2011

Façam o favor de serem inteligentes...

“O Frank foi muito importante para o Barcelona. Gostaria agora de lhe poder retribuir alguma coisa. Caso seja treinador do Sporting tudo faremos para ajudar a sua equipa”, afirmou.

Rosell adiantou ainda que no dia a seguir à vitória de Dias Ferreira “serão iniciadas de imediato negociações entre as duas equipas para formalizar esse mesmo apoio”.

14 comentários:

PB disse...

Tenho um grande amigo e colega de trab na lista do Bruno de Carvalho. É ele que espero que vença...

João D. disse...

o problema do dias ferreira, parece-me a mim que sou benfiquista, é que não tem mais que um treinador e um director desportivo. verdade seja dita que são ambos os melhores nomes de qualquer lista, mas isso não chega para ganhar eleições. e compreendo os sportinguistas por não quererem lá o futre, afinal nada lhes garante que ele nao possa ir embora no futuro, quando existir algum convite aliciante. provavelmente o ideal teria sido uma fusão entre a lista do dias ferreira com a do bruno carvalho. enfim verdade seja dita que os primeiros tempos do novo presidente do lado mau da segunda circular vão ser muito difíceis até porque o seu nome nunca será unânime à partida.

bem, mas o bettencourt até que era e viu-se o resultado...

João Mira disse...

Nuno, em que é que achas que difere a aposta em Van Basten e em Frank Rijkaard?

Ainda por cima quando a mesma é bem explicada (futebol atractivo, criação de um modelo de jogo das camadas jovens até aos seniores), notando-se que não é vítima do acaso.

Mike Portugal disse...

João Mira,

Não foi o Nuno que escreveu este post e sim o Gonçalo.

Gonçalo,

Eu até há 3 semanas atrás estava inclinado a votar no Dias Ferreira porque de facto me parecia o mais ambicioso de todos. Acontece que o homem não tem qualidades de liderança, só sabe falar por cima dos outros e gritar, embora lhe reconheça muito sportinguismo.

Também não lhe conheço nenhuma ideia, nenhum programa, nada. Tem apenas um optimo treinador, reconheça-se.

Acrescentando a isso os ataques pessoais que o Bruno de Carvalho sofreu por parte do Godinho Lopes e Pedro Baltazar (os rostos da continuidade), percebi que havia por parte deles um desespero terrível em que Bruno de Carvalho ganhasse. Ora, se aqueles 2 estão desesperados e sabendo o passado deles no clube, então o alvo dos ataques deles merece muito mais a minha consideração.

Por isso tudo mudei o meu voto para o Bruno de Carvalho. Mas compreendo perfeitamente que tenhas mais confiança no Rijkaard.

Gonçalo disse...

Mike, não foi minha intenção fazer qualquer tipo de campanha a favor deste ou daquele candidato. Mais, adimto até alguma simpatia pelo estilo do Bruno de Carvalho,e não deixa de ser curiosos que o grosso dos seus adversários se preocupem mais em atacá-lo, do que em expôr as suas ideias. Todavia, não me pareceu ser esse o caso do Dias Ferreira( atenção, que não tenho acompanhado todos os debates, por isso posso estar a cometer uma imprecisão). A simpatia pelo Dias resume-se à sua intenção de assumir um modelo semelhante ao do Barcelona, alicerçada em alguém que conhece muito bem o clube catalão. Quanto ao facto de o Dias Ferreira ainda não ter avançado com mais ideias, não sei se isto está relacionado com o receio de que a situação do Sporting seja mais complicada do que aquilo que se julga neste momento. Assim, ele poderia cair no erro de "prometer" algo que, depois de conhecer a fundo a realidade do clube, seria impossível de cumprir. Mas compreendo os argumentos que expões. Vou esperar pelo debate de hoje, na Sporttv, para esclarecer mais algumas coisas antes de decidir em quem vou votar.

Um abraço

decadent disse...

Será que o sporting não deveria estar à procura da sua própria identidade?

Com tantos caminhos possíveis para a gestão de um clube, aquele que mais respondesse aos valores do mesmo traria uma sensação de realização mesmo em épocas mais parcas em vitórias.

Penso que o sporting se encontra orfão de identidade.

PB disse...

parece-me q o Futre ontem, com os charters a chegarem todas as semanas e as comissões nos restaurantes e museus, arruinou as chances do D.F...

Mike Portugal disse...

E Futre a dar a estocada final no Dias Ferreira. Talvez aqui o Entre Dez possa arranjar um blogger Chinês para ver se ganha comissões de cada vez que cá vem alguem da China.

LOL

Gonçalo disse...

Mas o Entredez mostrou algum tipo de apoio ao Paulo Futre? Em que medida isto: "O Frank foi muito importante para o Barcelona. Gostaria agora de lhe poder retribuir alguma coisa. Caso seja treinador do Sporting tudo faremos para ajudar a sua equipa”, afirmou.

Rosell adiantou ainda que no dia a seguir à vitória de Dias Ferreira “serão iniciadas de imediato negociações entre as duas equipas para formalizar esse mesmo apoio”.", é inviabilizado pelo Paulo Futre(independentemente da lastimosa conferência de imprensa que apresentou)?
Até agora, só Baltazar parece poder rivalizar com o modelo de Dias. O problema dele, para mim, é a aposta em Zico, treinador que não me suscita grande admiração. De qualquer forma, o meu comentário sobre estas eleições, é inequívoco: até aplaudirei o Godinho Lopes, se ele se arrepender, e olhar para o Barcelona como o modelo inspirador.

Cumprimentos.

Mike Portugal disse...

Gonçalo,

Eu estava no gozo.

qualquercoisa disse...

http://futebolfilosofal.blogspot.com/2011/03/rip.html

BAD-RELIGION disse...

Vi esta e lembrei-me logo aqui do Entre10...
"O novo presidente (do Sporting) [...] reconhece que a defesa e ataque do Sporting necessitam de reforços, pois «houve falhas porque a equipa sofreu muitos golos e marcou poucos»."

João Pinto disse...

BAD-RELIGION, o Gordinho Flopes já se sabia desde o início que não percebe nada de bola, é só uma marioneta croquete da banca lol sou portista mas se fosse do sporting votava Dias Ferreira, o Bruno Carvalho podia sair outro Vale e Azevedo, e o facto de reunir Rijkaard e o Futre era positivo (acho que a loucura do Futre faz falta ao Sporting, chineses à parte lol), chamava muitos jogadores de maior craveira

Nuno disse...

Bad-Religion, as eleições no Sporting demonstraram muitas coisas. À cabeça, que não se percebe nada de futebol em Portugal e que, maioritariamente, somos um país de gente estúpida, que tem gosto em ser enganada. Depois, demonstraram que mais de 70% dos sócios leoninos gostam mais de fogo de artifício do que de ideias inteligentes. Mostraram também que aquela ideia generalizada de que se está farto de corruptos e avaros é falsa, pois preferiram patetas e fala-baratos aos candidatos sérios. Como se não bastasse, ainda deixaram claro que, quase quarenta anos depois do 25 de Abril, o sentido e a responsabilidade democrática em Portugal é uma ilusão. Pelo menos para fortalecer certas certezas, valeu bem a pena segui-las com atenção.