sexta-feira, 23 de maio de 2008

Os melhores

Eis os melhores da Liga 2007/2008:

Guarda-Redes: Diego Benaglio
Defesa Direito: Bosingwa
Defesa Esquerdo: Léo
Defesas Centrais: Polga e Rodriguez
Médio-Defensivo: Paulo Assunção
Médios-Ofensivos: Lucho Gonzalez e Rui Costa
Extremos: Quaresma e Vukcevic
Avançado: Lisandro Lopez

Treinador: Carlos Carvalhal

Os suplentes:

Guarda-redes: Quim
Defesa Direito: Ricardo Esteves
Defesa Esquerdo: Carlos Fernandes
Defesas Centrais: Geromel e Tonel
Médio-Defensivo: Delfim
Médios-Ofensivos: Moutinho e Zé Pedro
Extremos: Tarik Sektioui e Christian Rodriguez
Avançado: Roland Linz

Treinador: Manuel Cajuda

Os que também poderiam ter sido eleitos, mas que por esta ou aquela razão não foram:

Guarda-Redes: Eduardo, porque só podia escolher dois guarda-redes.
Defesas direitos: Abel, porque revelou lacunas defensivas graves; Nélson porque perdeu toda a confiança que tinha quando chegou ao Benfica; Andrezinho, porque embora seja muito forte a atacar, é muito fraco a defender.
Defesas Esquerdos: Rodrigo Alvim, porque só podia escolher dois.
Defesas Centrais: David Luiz, porque passou grande parte da época lesionado e nunca conseguiu atingir um nível exibicional constante; Bruno Alves por razões óbvias.
Médios-Defensivos: Miguel Veloso, porque apesar de ter começado e acabado confiante, passou grande parte da época num nível medíocre; Raúl Meireles, porque num esquema como este não poderia ser médio-defensivo, e para médio ofensivo havia melhores; Ruben Amorim, porque só podia escolher dois e a sua posição também não é a de médio mais recuado; Roberto Brum porque só podia escolher dois; Katsouranis, porque fez uma época bem abaixo do desejável, tendo muitas vezes actuado como defesa central.
Médios-ofensivos: Romagnoli, porque as suas exibições sofrem quando a equipa está mal e, como tal, passou ao lado de bastantes jogos. Fajardo, porque não conseguiu manter os níveis do início da temporada, nem foi capaz de ser, como o foi na altura, o jogador mais preponderante do Guimarães; Jorge Ribeiro porque a médio é banal, apesar dos golos que consegue, fruto do seu bom pontapé.
Extremos: Hélder Barbosa, porque alguém decidiu ir buscá-lo a meio da época para pô-lo no banco; Matheus porque beneficiou claramente por estar incluído num colectivo forte, ressentindo-se quando trocou de ares; Fellype Gabriel porque não pôde jogar regularmente e manter o bom nível do início da temporada; Di Maria, porque alternou entre exibições formidáveis e momentos menos bons, quase todos por estar incluído numa equipa sem rumo; Alan e João Ribeiro porque só podia escolher quatro.
Avançados: Cardozo, Cláudio Pitbull, Roncatto, Weldon e Wesley por só poder escolher dois; Liedson por razões óbvias.

35 comentários:

Mister Fred disse...

Concordo, praticamente com tudo, excepto:

"Guarda-Redes: Diego Benaglio"

Por mais qualidades, que o suiço possua, só fez meia época, e julgo que seria mais justo, o Quim em vez de estar a suplente, estar nos melhores, porque esse sim foi o melhor guarda-redes da liga, sempre com uma regularidade boa, e ao contrário do primeiro, não saiu a meio.

"Defesas Centrais: Polga e Rodriguez"

Trocava o Rodriguez, pelo Geromel, um central com arestas por limar (por vezes complica muito os lances), mas com umas potencialidades impressionantes. Tem um poder de antecipação enorme, não sai nada mal a jogar com a bola nos pés, têm boa técnica para a sua posição, e é forte no jogo aéreo. A juntar a isso, o Guimarães fez a época que fez.

"Médio-Defensivo: Delfim"

Mesmo a suplente, é uma opção muito estranha...Um jogador, que teve as lesões que teve, e que é na Naval de agora, uma sombra do que já foi no Sporting por exemplo.

"Defesas Centrais: Geromel e Tonel"

Geromel trocava pelo Rodriguez como já disse. O Tonel, apesar de não ver ninguém que mereça mais de facto (o David Luiz é para mim bem superior, em termos de valia absoluta, mas pouco jogou), aviso que não é um central por aí além. Está, uns bons degraus abaixo do seu companheiro de sector.

-Não concordo também, com a divisão dos médios, em defensivos e ofensivos, porque médios como Raúl Meireles, Moutinho ou João Alves por exemplo, não consigo enquadrar em nenhuma dessas categorias. Aliás, o Moutinho não é um médio-ofensivo como o classificam.

"Os que também poderiam ter sido eleitos, mas que por esta ou aquela razão não foram:"

Concordo plenamente com tudo, linha por linha, excepto o critério que levou Raúl Meireles a esta categoria, porque merecia no mínimo um lugar, nos "suplentes".

Cumprimentos,

slb4ever disse...

Vá lá, 4 em 11 não está mau, podias ter tido ainda mais opções más...

Pedrovsky disse...

OFF-TOPIC: viste o (outro) grande golo do Pelé na final da taça de Itália? Leste o que é que os jornais italianos, gazzeta e corriere dello sport disseram dele? Qual é mesmo o teu problema com ele? Palpita-me que este será um sapo grande que vais ter de engolir mais cedo ou mais tarde, ai vais vais...

BAD-RELIGION disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
BAD-RELIGION disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nuno disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nuno disse...

A ver vamos, pedrovsky. E a ver vamos se depois, quando o gajo cair na banalidade, também virás falar...

Mas ainda bem que um pontapé bem dado, ainda por cima com a bola a saltitar, (coisa só ao alcance dos melhores, claro) é motivo para se achar que o rapaz é bom jogador.

Nuno disse...

O que é engraçado é que refiras um golo mas te esqueças que o Inter, com ele em campo, não ganhou o jogo. Com Mourinho ao comando da equipa, e confirmando-se Lampard e Deco, não estou a ver o Pelé a jogar muito... Mas será a prova dos nove. Se com Mourinho não explodir, já não explode...

slb4ever disse...

se com Mourinho não explodir, o problema é do Zé...

anónimo q acha o nulinho otário disse...

O Nuno passa a vida a dizer asneira e depois a realidade faz com que engula grandes sapos! Nesta época já engoliu alguns bem grandes. mas lá continua feliz e contente a fazer figura de palhaço.

Pedrovsky disse...

Nuno, eu sempre achei o Pelé um possível grande jogador de FUTURO. O grande golo que ele marcou (mais um)é mais uma prova e não apenas um motivo para dizer que ele é bom.
Qto às possibilidades com Mourinho, lembro-te apenas que o Bosingwa com Mourinho quase nunca jogou e hoje é o lateral mais caro do mundo, enquanto o dani alves não sai do sevilha. Por isso, o tempo está a favor do Pelé, mesmo que ele fique mais tempo no banco. E, olha lá, é uma arrogância do caraças pensar que o Mourinho pensa como tu, não? Com jeitinho, ainda lhe tiras o lugar no Inter...

Anónimo q se ri com o nulinho disse...

O Mourinho aprendeu com o Nuno, caralho... Não se vê? Ahahahahahah

Nuno disse...

slb4ever, e se a minha avó for jogar para o Inter e não explodir, o problema também é do Zé?

anónimo, estás de volta! E contigo os insultos gratuitos. Pá, ao menos dá-te ao trabalho de explicar por que é que insultas. Quais foram os sapos que eu engoli? É que, de repente, não estou a ver nenhum...

pedrovsky diz: "O grande golo que ele marcou (mais um)é mais uma prova"

Como é que um golo com a bola a saltitar, ao alcance de qualquer cepo, é prova de alguma coisa?

"Qto às possibilidades com Mourinho, lembro-te apenas que o Bosingwa com Mourinho quase nunca jogou e hoje é o lateral mais caro do mundo"

Foi o Mourinho quem foi buscar o Bosingwa, lembras-te? Logo, se há alguém a quem o Bosingwa deve a oportunidade de ter saltado para o Porto, é ao Mourinho. Não jogava com ele porque era médio, na altura. O mesmo aconteceu ao Bruno, que era bem melhor que o Bosingwa, na altura. Foi dos jogadores que, na altura, não compreendi como alguém como o Mourinho pudesse ter ido buscar. Como médio, era banal. E essa banalidade reflectiu-se nas opções de Mourinho. De facto, e concedo-lhe isso, como lateral, tornou-se um grande jogador. Como lateral, aprecio-o e duvido que o Mourinho não o apreciasse. Agora, como médio era fraco. E isso explica-se porque, como lateral, faz uso de coisas que no meio-campo têm muito menos importância, como seja a velocidade, o drible comprido, etc. O Bosingwa não é, nem nunca foi, um jogador bom a decidir, posicionalmente forte e capaz de oferecer os apoios correctos. Como lateral, não faz uso disso e consegue, porque tem outros argumentos, disfarçar esses defeitos. Agora, no meio-campo, esses argumentos têm menos peso e ele jamais seria capaz de se tornar num jogador de sucesso nessa posição. Com o Pelé, passa-se exactamente o mesmo. Como médio, tem lacunas que, penso, jamais perderá. Como médio, não tem o futuro brilhante que maior parte das pessoas prevêm. Se provar, noutra posição, que tem argumentos de outra espécie, pode vir a ser alguém, mas duvido. Agora, a meio-campo, estará longe de ser um jogador com potencial. E estou curioso para ver se evoluirá com Mourinho ou se, pura e simplesmente, o treinador português abdicará dele.

"E, olha lá, é uma arrogância do caraças pensar que o Mourinho pensa como tu, não? Com jeitinho, ainda lhe tiras o lugar no Inter..."

Onde é que eu disse que o Mourinho pensa como eu? O que acho significativo é que, tal como o Mourinho, e ao contrário de 99% das pessoas, eu dou muito mais importância aos atributos intelectuais do que aos atributos técnicos, físicos ou atléticos. Por me aproximar do Mourinho nesse simples aspecto, por dar preferência ao intelecto, creio que é legítimo achar que, ao contrário de maior parte da malta, o Mourinho reparará nos defeitos de Pelé.

Nuno disse...

"Mourinho aprendeu com o Nuno, caralho... Não se vê?"

anónimo, aprender é uma faculdade que os seres humanos possuem. Já os dromedários, ao que parece, passam o dia ao sol, a babar-se... Também consta que fazem piadas, mas não tenho a certeza...

slb4ever disse...

hahahaha o Mourinho dá "muito mais importância aos atributos intelectuais", mas foi buscar gajos como o Drogba e o Robben xD


às tantas se a tua avó fosse jogar para o Inter ainda fazia melhor figura que tu a tentar falar de futebol...

Anónimo disse...

Exacto, era o que estava a pensar, o Mourinho por dar mais valor aos atributos intelectuais é que foi buscar o Drogba, o Essien, o Pepe para o Porto...jogadores que fazem do intelecto o seu forte.
Drogba, para ti, então como o classificas como jogador?
Fraco, ainda pior que o Liedson, para ti, bom é o Nuno Gomes...lol!

Nuno disse...

slb4ever, chega a ser uma comédia tentar explicar-te as coisas, mas pronto. Vou tentar de novo... O Drogba é dos avançados mais inteligentes do momento. Deve-o, em parte, é certo, ao Mourinho, que soube extrair dele o essencial. Se aliar a essa inteligência a capacidade atlética, tanto melhor. Mas nunca o Mourinho iria buscar o Drogba se ele fosse apenas um calmeirão e não soubesse decidir bem. O teu problema é que olhas para um gajo com a capacidade atlética do Drogba e não vês mais nada. Do Crouch, com certeza, também só reparas no tamanho e ignoras a inteligência dele. Do Adebayor idem. É por isso, com certeza, que também só reparas na envergadura e nas capacidades técnicas do Pelé, ou nos golos do Liedson, etc. Não és capaz de ver que um jogador é muito mais do que as capacidades físicas e técnicas, isto é, aquelas que se vêem com facilidade até fora do contexto de um jogo. Agora, perceber se um jogador é bom do ponto de vista intelectual, isso já não és capaz.

Quanto ao Robben, era formidável nos desequilíbrios, mas não abusava disso. Permitia à equipa de Mourinho uma imprevisibilidade e uma imaginação que sem ele não a teria. Mas nunca à custa de desequilíbrios. E o Robben é tudo menos burro.

Portanto, se não és capaz de ver que estes dois jogadores são, obviamente, jogadores que o Mourinho aprecia, porque têm o essencial, a saber, a inteligência, não tenho a culpa. Aliás, é público. O Mourinho disse com todas as palavras que gostava de jogadores inteligentes. Ter esta conversa é absolutamente inútil.

P.S. E no Porto, quando não tinha dinheiro para ir buscar jogadores que reunissem capacidades atléticas e intelectuais, lembras-te sobre quem recaíam as preferências? Eu ajudo-te. Sobre os inteligentes. Não é por acaso que ganhou a UEFA com o Postiga na frente. No meio-campo, nunca teve jogadores de combate, mas jogadores fortes a nível posicional. Acabou literalmente com a carreira de dois cepos que chegaram à selecção por causa de atributos físicos e que não deviam muito à inteligência: Secretário e Paulinho Santos. Por isso, se achas que o Mourinho não prefere jogadores inteligentes, é pena, mas estás equivocado...

Nuno disse...

anónimo, o Pepe não foi o Mourinho que o foi buscar. Veio a seguir a ele ter saído do Porto. O Essien e o Drogba são inteligentíssimos. Se não consegues ver isso, não sou eu quem to vai ensinar.

É impressionante que aches que o Liedson é do mesmo tipo que o Drogba. São profundamente diferentes em tudo e também em termos intelectuais. O Drogba respeita os apoios, joga em tabelas, recebe a bola e protege-a até chegar um colega a quem dar, privilegia o colectivo em detrimento do individual. O Liedson não faz nada disto... Ridículo!

slb4ever disse...

ninguém falou no Adebayor nem no Crouch, e muito menos disse que o Drogba ou o Robben eram burros. Se fossem, não eram os jogadores que são. Escusas de chorar e de partir para as insinuações sarcásticas de cada vez que alguém te contradiz, o que eu estava a dizer é que tu referiste que dava "muito mais importância", ora por muita importância que dê, o Mourinho sabe melhor que nós todos que um Einstein que não aguente 90 minutos e não saiba passar uma bola não é um bom jogador.

Nuno disse...

Considerar que o Mourinho foi buscar o Essien e o Drogba pelas suas capacidades atléticas e que os iria buscar mesmo que estes não fossem inteligentes é digno de um quadrúpede...

Nuno disse...

slb4ever, fui explícito ao referir o caso do Porto? Quando não tinha dinheiro para ir buscar os melhores do mundo (aqueles que aliam capacidades atléticas a capacidades físicas), o Mourinho deu preferência a jogadores fortes fisicamente ou a jogadores inteligentes? Preferiu jogadores capazes individualmente ou jogadores preocupados com o colectivo? Já te falei do Paulinho Santos e do Secretário. Relembro-te que encostou o Capucho. Jogou com o Postiga. O meio-campo formou-o com jogadores como Deco (não tem argumentos atléticos), Maniche (não é um jogador de choque, apesar de ser mais forte que Deco), Costinha (é tudo menos um médio-defensivo combativo), Pedro Mendes (não se destaca pelo físico). Na defesa, fui buscar jogadores inteligentes: Nuno Valente e Paulo Ferreira. Com ele, Ricardo Carvalho (inteligente), revelou-se. O único jogador menos inteligente, mas que podia, pela experiência, disfarçar essa pouca inteligência, era o Jorge Costa. Ignorar isto é uma patetice.

Agora, é evidente que, podendo ir buscar jogadores com capacidades físicas, mas que não deixem de ser inteligentes, ele prefere esses. Mas esses são mais caros e só os pôde ter no Chelsea.

Tudo bem, um Einstein, é certo, não poderia ser um bom jogador. Mas aposto que seria mais útil ao Mourinho do que um pugilista.

Nuno disse...

O Alenitchev era grande ou lutador? E o Carlos Alberto? Agora vê os que não jogaram com ele, ou que jogaram pouco: Tiago, Paulinho Santos, Secretário. Consegues encontrar um denominador comum. Eu consigo. Chama-se inteligência.

Anónimo disse...

Eu consigo encontrar grandes sapos q o Nulinho tem engolido ultimamente. Mas n vale a pena dizer, quem lê isto, sabe do que se fala. Engole engole, mais uns sapinhos, q no Europeu vais engolir mais uns quantos! ahahaha Cromito q tu és moço!

Nuno disse...

Pá, se consegues, diz lá quais são. Pareces um maluquinho a dizer que tens provas que me incriminam, mas que não as queres mostrar.

O maior disse...

"Mas n vale a pena dizer, quem lê isto, sabe do que se fala"
Octavio!!? és tu?!! bem me parecia! gd maluko!! cm é que vai a quinta em palmela??

Nuno, já começavaas a deixar de dar sentido às vidas destes tristes, que por aqui passam. É a mesma coisa que tentares ensinar matematica a um melro!
Um abraço

Anónimo disse...

És o maior tono do caralho!!

Anónimo disse...

jogadores pouco inteligentes comprados por Mourinho:
Chelsea - Wright Philips (35M€); Kalou; Boulahrouz; Del Horno(13M€); Kezman, na minha opinião, nenhum deles é inteligente nas suas opções, certo que também não jogaram muito com Mourinho, mas ele cometeu o erro de os ir buscar...
No Porto - Tiago, sim, foi ele que o foi buscar...o grande Marco Ferreira, o grande Serginho Baiano (ex Nacional)...
O homem de infalivel tem pouco...
Quando Mourinho chega ao Portp, tanto Secretário como o Paulinho estavam na curva descendente, com 32 anos, é normal que não tenham sido opção...
Agora justifica estas barracas todas...
atençaõ que não sou aquele anónimoque te chama Nulinho, acho que tens razão em algumas coisas, agora não posso concordar com os teus embirranços,lol
abraço.

Nuno disse...

Wright Philips e Kalou não são dos jogadores mais inteligentes que Mourinho foi buscar, mas a posição de extremo é aquele onde ele permite maiores extravagâncias individuais. Também se falou que ele queria o Quaresma. São jogadores com capacidades individuais extraordinárias e que, por isso mesmo, compensam a falta de inteligência. O Del Horno discordo. Acho-o inteligentíssimo. Faltar-lhe-ão outras qualidades, por certo, mas é inteligente. O Boulahrouz é um central certinho, não é burro de todo. Creio que Mourinho o foi buscar porque permitia jogar com ele tanto a central como a lateral. Quanto ao Kezman, 100% de acordo. E acho que o facto de não ter jogado demonstra que o Mourinho se equivocou em relação a ele. Nunca disse que ele não errava. Digo é que ele prefere jogadores inteligentes e, a partir do momento em que percebe que estes não o são, abdica deles. Daí achar que, mais tarde ou mais cedo, abdicará do Pelé.

Quanto ao Porto, foi buscar o Tiago. Mas quanto é que ele jogou? E o Baiano? Tens de ver é que pode haver jogadores que defraudam as expectativas. No caso do Tiago, creio, Mourinho pretendia uma solução diferente, um jogador todo-o-terreno para entrar nos minutos finais. Quanto ao Marco Ferreira, é a tal questão dos extremos. Na final da UEFA, ele pôs o Marco Ferreira nos minutos finais para aproveitar os lançamentos compridos e a velocidade do gajo. Foi para esse tipo de jogo que o foi buscar e não para outro. Na mesma final, o Marco Ferreira perguntou ao Mourinho se não era melhor que a bola lhe chegasse pelo chão, ao que o Mourinho respondeu: "Se eu quisesse que a equipa, neste momento, jogasse com a bolinha rente à relva, punha o Capucho, que é muito melhor que tu." Acho que isto diz tudo daquilo que o Mourinho achava do Marco Ferreira. Isto não invalida que, sobretudo para extremos, ele possa ir buscar jogadores mais rápidos ou tecnicamente mais dotados, mas menos inteligentes. É o caso do Marco Ferreira, do Kalou e do Wright-Philips...

Quanto ao Secretário e ao Paulinho Santos, na época anterior eram titularíssimos. Apesar da idade, foi o Mourinho quem os relegou para o banco.

Portanto, metade das barracas de que falas não foram barracas, foram opções (planos B). Barracas, jogadores que Mourinho foi buscar e que não corresponderam às expectativas, há poucos. Kezman será talvez o caso mais flagrante.

P.S. Eu também quero ser um "tono".

pedro silva disse...

só uma coisa: não foi o mourinho que indicou o kezman. A sua contratação já estava acertada antes sequer do mourinho ser o treinador da equipa.

pedrovsky disse...

Voltando ao off-topic original, como é que, tendo o Pelé feito tão poucos jogos pelo Inter e só jogando há um ano (?) na selecção de esperanças, tu já lhe fizeste o retrato e o enterro? É que até o Mourinho precisou de contratar e trazer até si alguns jogadores para ver que eles de facto não lhe serviam, mesmo tendo-os visto a jogar noutras ocasiões por outros clubes, como o Bruno, apesar de tu já "saberes" de antemão que ele nunca iria dar certo. Daí eu pensar que, afinal, és mais arrogante do que pensava: tu julgas-te mesmo MELHOR que o Special One! Eh pá, o Pelé tem 20 anos, ele não é parecido com o Pereirinha nem veste a camisola do Sporting, mas quem sabe?... Mesmo que o Mourinho não venha a gostar dele, não quer dizer que ele não seja um bom jogador.

pedrovsky disse...

Outra coisa: o Bosingwa já jogava a extremo/lateral com Pacheco, por isso não percebi bem essa de o mourinho querê-lo inicialmente a médio. Aliás, o Pacheco raramente o pôs a médio. será que o Pacheco era mais inteligente que o Mourinho?Hummm... Essa do Carvalho revelar-se com Mourinho, tas a brincar de certeza. Foi o Octávio que encostou o J. Costa para pôr o Andrade e o Carvalho a jogar juntos pela primeira vez e nunca me hei-de esquecer que o Mourinho sempre preferiu a dupla Costa-Emanuel no início da sua primeira época inteira (2002-2003), quando toda a gente nas Antas já pedia o Carvalho a titular. Se calhar, o Carvalho deve ter apanhado com uma bola na cabeça de tal forma que se fez inteligente "à Mourinho", o que finalmente lhe valeu mais tarde a titularidade.

Anónimo disse...

Pedrovski tudo mt bem visto. o Nuno fala de cor e pensa que tem sempre razão, mas engana-se tantas vezes a pensar que acerta que chega a meter dó!

Nuno disse...

"É que até o Mourinho precisou de contratar e trazer até si alguns jogadores para ver que eles de facto não lhe serviam, mesmo tendo-os visto a jogar noutras ocasiões por outros clubes, como o Bruno, apesar de tu já "saberes" de antemão que ele nunca iria dar certo."

Pá, eu já sabia o quê? Eu gosto do Bruno e acho que o Mourinho também gostava. Simplesmente, o Bruno estava tapado pelo Costinha, Maniche, Pedro Mendes, etc. Era difícil jogar quando tinha outros melhores à sua frente.

"tendo o Pelé feito tão poucos jogos pelo Inter e só jogando há um ano (?) na selecção de esperanças, tu já lhe fizeste o retrato e o enterro?"

Acho que as deficiências que tem jamais as deixará de ter e que, por causa delas, não evoluirá. Mas há casos (poucos, é certo) em que os jogadores melhoram. Simplesmente, não creio que seja o caso do Pelé. Conheço muito poucos casos de jogadores tão burros como ele que deixaram de ser burros depois desta idade.

"Eh pá, o Pelé tem 20 anos, ele não é parecido com o Pereirinha nem veste a camisola do Sporting, mas quem sabe?..."

Não percebi esta, mas já que falas no Pereirinha, tudo bem. O mesmo arrogante que acha isto do Pelé era o mesmo arrogante que achava que o Pereirinha era bom jogador quando todos já lhe tinham feito o enterro e tinha uma opinião contrária à de toda a gente sobre ele. E o mesmo arrogante estava certo. Ainda bem que estás tão convicto de que, agora sim, é que estou errado...

"Mesmo que o Mourinho não venha a gostar dele, não quer dizer que ele não seja um bom jogador."

Se o Mourinho, que é quem melhor trabalha em termos de exigência intelectual, não o aproveitar, é porque ele não presta. Digam o que disserem...

"Outra coisa: o Bosingwa já jogava a extremo/lateral com Pacheco, por isso não percebi bem essa de o mourinho querê-lo inicialmente a médio."

Não, não jogava. Tinha feito alguns jogos, sim. Mas a sua posição de origem era a de médio, tanto no Boavista, como na selecção de sub-21. E foi como médio que o Mourinho o foi buscar.

"Aliás, o Pacheco raramente o pôs a médio. será que o Pacheco era mais inteligente que o Mourinho"

Isto não é verdade. No Boavista e no Porto de Mourinho, pouco jogou a defesa direito.

"Essa do Carvalho revelar-se com Mourinho, tas a brincar de certeza. Foi o Octávio que encostou o J. Costa para pôr o Andrade e o Carvalho a jogar juntos pela primeira vez"

Errado de novo. O Octávio meteu o Carvalho porque se chateou com o Jorge Costa, se não não o metia.

"nunca me hei-de esquecer que o Mourinho sempre preferiu a dupla Costa-Emanuel no início da sua primeira época inteira (2002-2003), quando toda a gente nas Antas já pedia o Carvalho a titular."

Ele, no ínicio, não optou logo pelo Ricardo Carvalho, mas a verdade é que o Carvalho aos poucos mostrou que tinha de ser titular. A época anterior do Carvalho não tinha sido nada por aí além. Só com o Mourinho é que ele explodiu, embora alguns já gostassem dele (eu por exemplo apreciava-o desde o Setúbal).

Anónimo, falo de cor? Em quê? Engano-me tanto que me enganei na brilhante cena do mundial de 90, não foi, Homais?

Anónimo disse...

Bruno Alves de fora... ridiculo!

Nuno disse...

Ridículo? Vê o lance do primeiro golo da Suíça, ontem, então. Ridículo foi aquela movimentação dele... Isso é que foi ridículo. Isso e o facto de achares que ele deveria estar entre os melhores.